Inhotim: Visite o maior museu a céu aberto do mundo

Tempo de leitura: 8 minutos
O maior museu a céu aberto do mundo fica no Brasil. Venha saber mais sobre minha visita a Inhotim (Minas Gerais) neste post!
Ebook viaje mais barato em 10 passos

Aproveite melhor MAIS viagens gastando MENOS tempo e dinheiro.

Os 10 passos para você programar rapidamente suas viagens sem dores de cabeça e ainda economizar tempo e dinheiro.

Clique na imagem e adquira o curso!

Vamos a mais um destino incrível em Minas Gerais? Também tive bons momentos em Inhotim. Bem, na verdade, passei uma noite em Brumadinho. Pois, para quem ainda não sabe, essa é a cidade em que fica o maior museu a céu aberto do mundo.

Porém, há quem prefira fazer um bate e volta a partir de Belo Horizonte. Sem dúvida, isso é super possível, já que a distância entre eles é de 60 km. Mas, para mim, foi de fato uma questão de custo-benefício, sabe? Sem contar que a grande vantagem de viagens de carro é poder fazer tudo no seu tempo! Assim, pude curtir mais de Inhotim e ainda conhecer um pouco de Brumadinho.

Aliás, eu já falei, mas vou repetir: Viaje com Norma também é uma agência de turismo! Por isso, se você me acompanha aqui no site, não precisa ficar só na vontade de viajar, que nós vamos começar a planejar a sua viagem!

Providencio para você o aluguel de veículos com excelente preço, e claro, a sua hospedagem.

E se você perdeu minhas postagens sobre os destinos mineiros maravilhosos antes de Inhotim, aqui estão alguns links para te ajudar:

Belo Horizonte em três dias: o que conhecer?

Tiradentes MG: o que fazer na cidade mineira

Congonhas MG, destino para os romeiros

Um dia para conhecer São João del Rei MG

Bichinho MG, bate e volta de Tiradentes

Mas, de volta a Inhotim, siga comigo para saber o motivo de esse lugar ser imperdível!

Inhotim: mais que um jardim botânico

Que tal começarmos do começo? Afinal, qual a origem e o significado do nome “Inhotim”?? kkkkk

Em primeiro lugar, o museu tem esse nome por causa da região em que se encontra. Agora, a origem da palavra é controversa… A mais popular de todas conta que houve um minerador que morou na região conhecido como Sir Timothy. Em português, “sir” significa “senhor” e daí Sir Timothy virou “nhô Tim” – já entendeu onde a história termina? kkkkk

O fato é que o nascimento do Instituto Inhotim (seu nome oficial) se deve a uma coleção particular. Ao chegar aos anos 1990, Bernardo Paz já tinha acumulado muito dinheiro graças à exportação de ferro e aço. Além disso, ele também colecionava obras de arte contemporânea.

Mas foi só após um acidente vascular cerebral que ele passou a investir no seu projeto pessoal. Afastado de seus negócios, ele investiu na transformação de sua fazenda, localizada na região de Inhotim (Minas Gerais), em um grande jardim.

Os amigos e artistas plásticos Tunga e Cildo Meireles o incentivaram a expor o terreno com suas obras. O mesmo incentivo veio de sua ex-esposa, a também artista Adriana Varejão. Por fim, Bernardo também passou a comprar os terrenos ao redor para expandir o espaço.

Mudança de curso

O Centro de Arte Contemporânea Inhotim (Caci) começou a receber visitantes em 2002. Mas apenas visitas agendadas eram permitidas. E, como você percebeu, o nome era outro. Só em 2006 a sigla saiu de cena e o Inhotim abriu suas portas para o público geral.

E que bom para nós, viu? Além da exuberância natural, o projeto inicial de paisagismo foi de Burle Marx. Ou seja, haja caminhada entre as 23 galerias e as obras ao ar livre para apreciação!

E, para aproveitarmos melhor, há 100 bancos de madeira do designer Hugo França espalhados no espaço.

Se planeje para conhecer Inhotim

Quem quer conhecer Inhotim precisa se planejar. Primeiro, porque a pandemia restringiu o número de visitantes diários. Mas, também, para conseguir aproveitar o passeio de verdade.

Com 140 hectares, Inhotim é tanto um museu de arte contemporânea, como Jardim Botânico. Entre as paisagens dos biomas da Mata Atlântica e do Cerrado, cerca de 700 obras de mais de 60 artistas de quase 40 países são exibidas ao ar livre e em galerias. Sem contar as 4,3 mil espécies botânicas raras provenientes de todos os continentes.

Logo, vamos ao que importa:

Funcionamento do Parque

O maior museu a céu aberto do mundo fica no Brasil. Venha saber mais sobre minha visita a Inhotim (Minas Gerais) neste post!

Inhotim funciona em dias de quarta, quinta e sexta, das 9h30h às 16h30, e sábados (alimentação e transporte até às 16h).
Já aos domingos e feriados, das 09h30 às 17h30 (alimentação e transporte até às 17h) .

Tem estacionamento gratuito disponível no local.

Ingressos

O ingresso custa R$ 44 (inteira) e R$ 22 (meia). Porém, há passaportes promocionais para dois ou três dias de visita – sugiro acessar o site oficial para garantir o seu com antecedência.

Gratuidade:

  • Na última sexta-feira de cada mês, exceto nos feriados, a visita é gratuita – se puder, aproveite! Necessário fazer reserva prévia no Sympla;
  • Crianças de até 5 anos também têm entrada gratuita;
  • Moradores de Brumadinho cadastrados no programa Nosso Inhotim;
  • Guias de turismo credenciados pela Embratur e Cadastur.

Crianças de 6 a 12 anos, idosos acima de 60 anos, professores e estudantes fazem parte do grupo das pessoas com direito a meia entrada. Para saber mais, basta visitar o site do Inhotim.

Informações importantes sobre Inhotim

O maior museu a céu aberto do mundo fica no Brasil. Venha saber mais sobre minha visita a Inhotim (Minas Gerais) neste post!

Além da dica de comprar o seu ingresso com antecedência no site, tenho uma outra super importante. Compre, também, o passe do transporte local, pois vai ajudar muito. O serviço é opcional e custa R$ 30 por pessoa e por dia de uso. Com sete rotas, vale muito a pena. Com o passe do transporte local, assim como o mapa do espaço, você pode selecionar as atrações que quer priorizar e ganhar tempo.

Importante: Os carrinhos são gratuitos para pessoas com deficiência e um acompanhante, assim como para crianças menores de 05 anos.

Além disso, você pode contratar um carrinho exclusivo para o seu grupo por 01 hora (R$ 200,00) ou por diária (R$ 500,00). Limite de até 05 pessoas por carrinho.

Mas vale dizer que, mesmo assim, você dificilmente conseguirá ver tudo em um dia. Desta forma, ou programa mais de um dia, ou tem foco na hora da visita mesmo, para tentar cobrir o máximo de atrações possível. Lembre-se que são 140 hectares de espaço, ok?

Seu veículo não pode passar do estacionamento. Da mesma forma, bicicletas, patinetes e skates são proibidos, visando a conservação dos jardins. Aliás, por motivo semelhante, animais de estimação também não entram, apenas cães guias.

Visita guiada

Também é possível reservar com antecedência um áudio guia. Mas, no período da pandemia, o aluguel do áudio guia está suspenso por prevenção. Assim, quando programar a sua visita, verifique no site se esse serviço já está disponível.

O parque também disponibiliza a visita mediada gratuita. Funciona de sexta a domingo e também em feriados nos horários de 11h e 14h, com duração de 90 min saindo da recepção.

Inclusive, é possível também fazer um tour virtual por Inhotim. Basta agendar com antecedência no site.

Funcionamentos dos Restaurantes

O Parque Inhotim tem restaurantes e lanchonetes distribuídos em locais estratégicos do parque. Verifique o mapa logo que chegar e defina onde será a sua parada para se alimentar. Certamente você vai precisar, pois não é recomendado o acesso com bebidas e alimentos. Tampouco é permitido piqueniques nas dependências do parque.

Relação dos restaurantes (ao entrar no parque, certifique-se onde ficam e quais estão funcionando):

  • Restaurante Tamboril e Bar do Ganso;
  • Restaurante Oiticica;
  • Hamburgueria;
  • Café das Flores;
  • Casa de Sucos;
  • Pizzaria do Teatro;
  • Galeria Fonte;
  • True Rouge.

Outros pontos importantes

O maior museu a céu aberto do mundo fica no Brasil. Venha saber mais sobre minha visita a Inhotim (Minas Gerais) neste post!

Ah, igualmente importante: use protetor solar, chapéu e sapatos confortáveis!

Além disso, leve a sua água, utilize a rede wi-fi gratuita que o parque oferece e jogue o lixo no lixo.

Principalmente, seja educado, paciente, curta o máximo que puder, pois o lugar é incrível.

Pontos imperdíveis durante a sua visita a Inhotim

O maior museu a céu aberto do mundo fica no Brasil. Venha saber mais sobre minha visita a Inhotim (Minas Gerais) neste post!
Mapa Inhotim

O maior museu a céu aberto do mundo fica no Brasil. Venha saber mais sobre minha visita a Inhotim (Minas Gerais) neste post!

Para começar, o parque é dividido por eixos: laranja, amarelo e rosa.

Dica imperdível: o primeiro passo ao entrar no parque é pegar o mapa. Sempre tem uma pessoa entregando e que pode tirar todas as suas dúvidas para facilitar a sua visita.

Junto com o atendente que você abordou, defina o que você gostaria de ver dentre as exposições.

Observação: por conta da pandemia, algumas áreas encontram-se fechadas.

Muito importante definir o que você quer conhecer antes de chegar no parque. Por este motivo, escrevi o post abaixo para você se guiar.

Obras e galerias em destaque em Inhotim

Como chegar a Inhotim?

Para quem gosta de viajar de carro, lembre-se de fazer uma cotação conosco:

Depois de alugar o seu carro, uma opção é a BR-381 no sentido de Contagem, Betim e São Paulo. Passado o posto da Polícia Rodoviária Federal, entre na Rodovia MG-040 na altura da saída do km 501. Em seguida, siga as placas Inhotim/Brumadinho por aproximadamente 25km.

Outra opção, também com veículo próprio, é a BR-040. Basta passar por Retiro do Chalé ou Piedade do Paraopeba e acompanhar a sinalização.

Agora, se sua intenção é recorrer ao ônibus, há um que sai da rodoviária no centro de BH de terça a domingo. A viagem dura cerca de 2h e o destino final é o estacionamento do Inhotim. Para mais informações, consulte a Viação Saritur, empresa responsável pelo trajeto.

Por fim, há a possibilidade de fazer uso do serviço de van. O veículo sai do Hotel Holiday Inn Savassi em dias determinados, além de ser preciso fazer reserva com antecedência.

E, claro, uma opção bem confortável é contratar um passeio com a Easy Travel Shop a partir de Belo Horizonte: Faça a sua reserva abaixo:

Um pouco sobre Brumadinho

Infelizmente, muita gente só foi conhecer Brumadinho por conta da tragédia de 2019. Mas a verdade é que a cidade que recebeu este nome por conta das brumas constantes tem muito a oferecer. Em especial, o ecoturismo é muito forte. Assim, cachoeiras e serras fazem a alegria de quem aprecia o contato com a natureza.

Mas, claro, Brumadinho também tem aquele ar de tranquilidade de cidade do interior. Bem como tem bons lugares para você se sentar a apreciar a comida mineira. Além disso, pode servir de base para explorar cidades próximas, como Mariana, Ouro Preto e Tiradentes.

E, se você vai a Brumadinho, não pode perder esse restaurante abaixo e pôr do sol:

Restaurante La Vinícola Topo do Mundo: Por do sol imperdível

Ficou com vontade de viajar? Então não perca tempo: 

Posts Relacionados

Veja posts com dicas para planejar sua viagem!

Em seguida, baixe meus e-Books gratuitos:

E book - 10 dicas para arrumar sua mala de viagem
E book check list de viagem

Encontre sua hospedagem

Reserve aqui o seu carro

Compre ingressos sem fila

10 de março de 2022

Sobre Mim

Sou uma viajante apaixonada pelo mundo. Trabalhei 30 anos no ramo financeiro e hoje me realizo como microempresária e criadora de conteúdo de viagem. Como viajante, conheço 42 países e 20 estados brasileiros. Meu propósito nas redes sociais, é compartilhar minha experiência e aprendizado de viagem e de vida, com meus clientes e seguidores, com o objetivo de ajudar a todos a realizarem os seus sonhos de viagem.

De Onde Sou

Gostou da viagem? Deixe um comentário sobre a experiência!

 

8 Comentários

  1. Deyse

    Nossa, eu sou encantada com Inhotim, o maior museu a céu aberto do mundo. Nele temos quase tudo, em um só lugar, natureza, cultura, arte, boa comida, ar fresco e muitos encantos! Amo demais. Seu post está lindo demais, parabéns pelo blog!

    Responder
    • Norma

      Deyse, Inhotim é mesmo maravilhoso.

      Responder
  2. Aline Laudelina Pires

    Se é verdade ou não sobre a origem do nome eu acredito, pois o mineres costuma abreviar as palavras. A tempos falamos em visitar o maior museu a céu aberto do mundo, adoramos Parques como Inhotim.

    Responder
    • Norma

      Inhotim é um parque surpreendente mesmo. Vai conhecer sim, vai adorar.

      Responder
  3. Sonia Pedrosa

    Parabéns pelo post completo, com tantas informações e dicas importantes pra gente conhecer esse museu a céu aberto que é Inhotim. Estou encantada com o que li e saber como nasceu esse projeto.

    Responder
    • Norma

      Inhotim, é um projeto incrível mesmo Sonia. Obrigada a você.

      Responder
  4. Patrícia

    Adorei conhecer a história de Inhotim e a derivação do seu nome. Achei bem curioso. O Parque em si parece ser encantador.

    Responder
    • Norma

      Inhotim é incrível Patrícia. Todo mundo deveria conhecer.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe esse artigo!

Mostre a seus amigos o seu possível próximo destino.

Compartilhe esse post!

Mostre a seus amigos seu possível novo destino.