Serra Catarinense, o que conhecer

viajecomnorma-serras-catarinenses

Serra Catarinense, o que conhecer desse lugar imperdível. Primeiramente, eu confesso que eu mesma não sabia o que encontraria em Santa Catarina quando comecei a planejar o meu roteiro. Mas, bem rapidinho, eu percebi que viveria dias incríveis entre a capital e o interior, entre o litoral e a serra! E leia também sobre outros destinos dessa road trip em Santa Catarina:

Florianópolis, Balneário Camboriú, Bombinhas e Porto Belo na Costa Esmeralda e Praia Grande.

Além do mais, alugar o carro na Rentcars foi tudo de bom para proporcionar a liberdade que eu tive para escolher os meus destinos. Uma vez que a região da Serra Catarinense encontra-se a apenas duas horas de Florianópolis, o deslocamento é fácil. Sem dúvida, eu fiquei simplesmente encantada com a região. Acima de tudo, a saudade e a vontade de voltar a esse lugar incrível são grandes!

Enfim, escolho minha hospedagem com muito critério, leia abaixo as dicas sobre isso:

12 dicas de como escolher a sua hospedagem

Desta forma, entenda a escolha da minha hospedagem, em um lugar dos sonhos no município de Urubici. Mas calma que eu chego na parte da hospedagem!

A maravilhosa Serra Catarinense?

Há quem escolha a serra de Santa Catarina como destino para descansar e curtir o friozinho. Ainda mais, tem quem queira desfrutar das belezas catarinenses, mas sem estar perto da praia. Com certeza, a região tem atrativos para uns e para outros. Certamente, a diversão está garantida para todos os gostos!

Bom Jardim da Serra, Portal da Serra Catarinense

Este município catarinense tem o privilégio de estar muito bem localizado, sendo considerado um dos portais da serra de Santa Catarina. Porém, o que realmente chama atenção são suas belezas naturais. Em especial, a Cascata da Barrinha (há uma escadaria de acesso bem ao lado do portal) e a Serra do Rio do Rastro (falo mais abaixo). Aliás, Bom Jardim da Serra também é conhecido como “capital das águas”: o município tem 35 cachoeiras e 14 nascentes de rios que desaguam no Rio Pelotas.

Além disso, seu clima varia ora com temperaturas amenas (no verão), ora com baixas (no inverno). Inclusive, é considerada uma das cidades mais frias do Brasil, podendo haver geadas o ano todo e nevar de abril a outubro.

Bem perto de Bom Jardim da Serra, já é possível começar a descobrir os encantos da Serra Catarinense. Por exemplo, a Cascata Salto do Pelotas fica a 8 km do centro da cidade, às margens da SC-438. Entretanto, sugiro contratar um guia para visitar, especialmente por se encontrar em local privado.

Cânions na Serra Catarinense

Já o Cânion das Laranjeiras fica em Santa Bárbara, a 12 km do centro, e também fica em área privada. Além do mais, os 5 km de trilha são bem tranquilos e podem ser percorridos a pé ou a cavalo. Todavia, fique atento à lama no chão.

Eu precisaria de mais tempo para conhecer os outros dois cânions perto da cidade, da Ronda e do Funil. Entretanto, diferentemente do Cânion das Laranjeiras, aqueles não podem ser acessados de carro. Suas trilhas podem ser feitas a pé ou a cavalo e a contratação de um guia é sugerida.

A seguir, falo sobre as outras atrações top da região.

O que conhecer na Serra Catarinense

A linda Serra do Rio do Rastro

Essa subida íngreme tem uma leve dose de emoção! O percurso tem 284 curvas fechadas, tudo cercado pela Mata Atlântica. A serra é cortada pela rodovia SC-390, por um trecho de 12 km, e liga os municípios de Lauro Müller a Bom Jardim da Serra em SC.

Mas preciso dizer que a subida compensa! Ao chegar no alto, encontramos o Mirante da Serra do Rio do Rastro e o Morro da Ronda, com um cânion do mesmo nome. Infelizmente, tanto ao subir quanto ao descer, a neblina não nos deixou ver absolutamente nada a partir dos mirantes… a névoa não me permitiu ver a paisagem tão famosa e comentada, o cartão postal da Serra Catarinense…

E sabe o que isso quer dizer? Que eu vou precisar fazer o “sacrifício” de voltar aqui depois para conhecer tudo sem neblina! Até porque não deu para conhecer alguns pontos, como o Salto do Rio Pelotas, local super conhecido dos turistas da região. Mas uma dica: para conhecer esse conjunto de quedas d’água, esteja preparado fisicamente. Porque, para chegar lá, é preciso subir 156 degraus!

Serra do Corvo Branco

A Serra do Corvo Branco, assim como a Serra do Rio do Rastro, liga a planície do litoral com o planalto e a cadeia montanhosa denominada Serra Geral. Consequentemente, elas são simplesmente as as estradas mais incríveis de Santa Catarina. Em outras palavras, é um verdadeiro espetáculo da natureza unida à engenharia humana.

Esta serra fica a 30 km de Urubici, em um trecho da rodovia SC-370. Inclusive, ela é conhecida por possuir o maior corte em rocha no Brasil: são 90 metros de profundidade e 1.470 metros de altitude – tudo numa região entre fendas e montanhas íngremes.

Nos dias de neblina, a visibilidade diminui muito. Apesar de a neblina estar forte, eu fui assim mesmo para tentar ver a paisagem. Infelizmente, foi impossível, mas a experiência ainda assim foi única.

Morro do Campestre

Este morro também é conhecido como Morro da Cruz. Mas o nome é o de menos, pois a vista dele é o verdadeiro atrativo! Para chegar no alto (o topo fica a 1.380 metros), parte do trajeto é feito de carro e, a outra parte, a pé – porém, é uma subida leve. Há formações rochosas de arenito lá em cima que tornam o lugar mais especial.

Quer mais emoção? É possível seguir adiante com a trilha e chegar a uma vista ainda mais linda. Agora, só encare se estiver realmente preparado, porque, além de ser uma subida mais pesada, em alguns pontos, é preciso quase escalar.

Morro da Igreja

Este morro é simplesmente o mais alto da região sul do país; são mais de 1.800 metros. Para ter uma ideia, aqui foi registrada a temperatura mais baixa do Brasil: -17,8ºC. Saindo do centro de Urubici, são 30 km por estrada para chegar lá. E o bom é ir pela manhã, para aproveitar a visibilidade – especialmente se o tempo estiver bom.

Antes de pegar a estrada, procure se informar sobre a disponibilidade de visitar o local. Uma vez que o número de visitantes é controlado, é preciso conseguir uma autorização de visitação no centro de Urubici.

Além disso, lá também  está localizada a Pedra Furada, muito famosa na região. A formação rochosa natural tem cerca de 10 metros de diâmetro e a altura do furo é de 5 metros.

Se tiver tempo, aproveite para conhecer a Caverna do Rio dos Bugres, no caminho do Morro da Igreja. Muna-se de lanterna e passeie pelos túneis – antigos abrigos dos índios ou criação de tatus gigantes, não há uma explicação definitiva.

As lindas cachoeiras da Serra Catarinense

Cascata do Avencal

Serra Catarinense - Cascata do Avencal
Serra Catarinense – Cascata do Avencal

Mas de onde vem esse nome, avencal, não é mesmo? A cascata tem esse nome porque a avenca, vegetação comum da região, marca presença. E não se engane: a beleza do lugar é realmente exuberante.

Com 100 metros de altura, ela está a 6 km de Urubici, dentro do Parque Cascata do Avencal – cobra-se R$ 7 pelo acesso. Aliás, você pode aproveitar a estrutura do espaço: hotel, restaurante e lago com pedalinho. Ademais, se quiser ver a cascata por outro ângulo, isso é possível, pois uma tirolesa de 200 metros de comprimento passa por cima dela, oferecendo uma vista fantástica.

Serra Catarinense - Cascata do Avencal
Serra Catarinense – Cascata do Avencal

A minha dica é: se tiver tempo suficiente, acesse a queda d’água pela parte de baixo também. Ainda que o percurso seja um pouco mais difícil, é possível chegar de carro a até 800 metros do local. Depois, é só caminhar o restante do trajeto por uma trilha leve. E digo mais: se o tempo estiver bom, dá para tomar banho no lago que se forma embaixo da cascata.

O seu coração pede por emoção? Pois esse é um dos melhores lugares para trekking e rapel na serra catarinense. Quer só curtir a paisagem? O Mirante de Urubici fica no caminho e oferece uma bela vista da cidade.

Cachoeira Véu de Noiva – Urubici

Serra Catarinense - Cachoeira Véu de Noiva em Urubici
Serra Catarinense – Cachoeira Véu de Noiva em Urubici

A cachoeira chama atenção porque a água desliza suavemente entre os rochedos ao longo dos 63 metros de queda – um verdadeiro véu de noiva! Contudo, o acesso é pago, pois ela está dentro das terras da Pousada e Restaurante Véu de Noiva, a 19 km do centro de Urubici. Mas chegar até lá é tranquilo, pois fica no caminho do Morro da Igreja.

Serra Catarinense - Cachoeira Véu de Noiva em Urubici
Serra Catarinense – Cachoeira Véu de Noiva em Urubici – Mirante

A Cachoeira está localizada dentro do Parque do Morro da Igreja. E tem mais atrações no local: além de trilhas que levam a outras cachoeiras, há ainda a clareira da tirolesa e a floresta/canyon dos xaxins gigantes.

Enfim, o local é lindo e impressionante! Eu gostaria de ter tido mais tempo para explorar esse cantinho de Santa Catarina! Eu vou precisar voltar, com mais tempo, para explorar as demais trilhas e cachoeiras – com certeza!

Cachoeira da Neve

Ah, como eu gostaria de ter conhecido essa cachoeira… e no inverno, claro! É que, nessa estação, a água da cachoeira é levada pelo vento e vira pequenos flocos de neve antes de chegar ao chão. A trilha até ela é de nível leve e dura cerca de meia hora. Para chegar à atração, é só percorrer 3,4 km a partir do centro de Urubici.

Mas o deslumbre não acaba aí: é possível seguir uma outra trilha no local que leva você para atrás da queda d’água. Imagine aí como a vista deve ser incrível!

Outras atrações da Serra Catarinense

Gruta de Nossa Senhora de Lourdes

Pense em um lugar maravilhoso e de muita paz. Cercada de paredões, a gruta está a 10 km de Urubici e uma imagem de Nossa Senhora de Lourdes encontra-se no local desde 1944. Antes disso, era aqui que os nativos costumavam realizar seus ritos mortuários.

Se você não for religioso, tudo bem. Ainda assim, vale muito a pena conhecer o lugar por conta da sua beleza, especialmente a cascata com mais de dez metros. De fato, o sentimento de gratidão por ter tido a oportunidade de estar ali é indescritível! Por fim, vale dizer que a entrada é livre e de fácil acesso, pois encontra-se no caminho para o Morro da Igreja.

Atrações da Serra Catarinense - Gruta de Nossa Senhora de Lourdes em Urubici
Atrações da Serra Catarinense – Gruta de Nossa Senhora de Lourdes em Urubici

Inscrições rupestres em Urubici

Urubici abriga um dos mais importantes registros arqueológicos do estado. As inscrições gravadas em paredes são as marcas deixadas pelos primeiros habitantes que viveram na área há mais de 4 mil anos. Em resumo, o valor histórico dos desenhos e símbolos é inquestionável. Em especial, o registro da Máscara do Guardião, pois, ao que tudo indica, esse lugar era sagrado, sendo o guardião seu protetor.

Aventura na Serra Catarinense

Se engana quem acha que passear pela região serrana de Santa Catarina é só contemplação. Pois a região tem ainda espaço para aventura! Se você incluiu a Cachoeira Véu de Noiva no seu roteiro, aproveite também a visita ao Parque Nacional de São Joaquim, onde fica o Morro da Igreja.

Aliás, este morro é considerado o maior ponto habitado do sul de nosso país – “apenas” 1.822 metros! Além da vista incrível e de trilhas bem organizadas, há o parque de aventura, tirolesa e outras opções com emoção.

Para mim, andar em meio aos xaxins gigantes já proporcionou alguma emoção por conta do solo escorregadio. Mas eu adoraria ter tido mais tempo para conhecer a trilha da Cascada das Três Irmãs, andando pelo Cânion do Xaxim Gigante.

Além do mais, tem outras opções para quem curte adrenalina. Isso porque o Adventure Park, em Lages, e o Parque Snow Valley, em São Joaquim, estão próximos.

Onde se hospedar em Urubici, na Serra Catarinense

Como sempre, fui bem criteriosa com a hospedagem, buscando uma boa localização e conforto. Encontrei a melhor opção no Booking.com.

Leia tudo sobre nossa hospedagem no artigo abaixo:

Pousada Cantos e Encantos

Enfim, essa pousada superou (e muito!) as minhas expectativas.

Charme, bom gosto e conforto são as marcas desta pousada que foi inaugurada em 2012, com o propósito de personalizar o atendimento e encantar o cliente. Ademais, o cuidado com quem visita o lugar está em cada detalhe: na decoração, refeições e jardim – este muda de cores de acordo com a estação.

No total, são seis suítes, cada uma com o nome de uma flor: Amor Perfeito, Hortência, Érica, Magnólia, Glicínia e Jasmim. Para mim, a melhor recomendação é sentar na poltrona de qualquer uma dessas suítes para curtir a paisagem no calor da lareira.

A pousada encontra-se a 10 km em Urubici, 60 Km de Bom Jardim da Serra e  48 km de São Joaquim. Por isso, é o lugar ideal para quem quer conhecer a região mais fria do Brasil e as suas belezas.

Onde comer em Urubici- SC

Destaco dois restaurantes que vale à pena a visita:

Restaurante La Fondue Muller – Comida saborosa e ambiente delicioso

Semola Culinária Italiana – Massa e pizzas deliciosas

Sobretudo, leia também os outros destinos da minha road trip!

Florianópolis, conheça a Ilha da Magia de Norte a Sul

10 atrações imperdíveis em Balneário Camboriú

Praia Grande, a cidade dos Canyons

Bombinhas e Porto Belo: Destinos imperdíveis em Santa Catarina

Veja posts com dicas para planejar sua viagem!

Em seguida, baixe meus e-Books gratuitos:

E book - 10 dicas para arrumar sua mala de viagem
E book check list de viagem

Faça suas reservas com meus parceiros:

  • E, para viajar com tranquilidade, faça seu SEGURO VIAGEM com a SEGUROS PROMO.

Encontre sua hospedagem

Reserve aqui o seu carro

Compre ingressos sem fila

24 de outubro de 2019

Sobre Mim

Sou uma viajante apaixonada pelo mundo. Trabalhei 30 anos no ramo financeiro e hoje me realizo como microempresária e criadora de conteúdo de viagem. Como viajante, conheço 42 países e 20 estados brasileiros. Meu propósito nas redes sociais, é compartilhar minha experiência e aprendizado de viagem e de vida, com meus clientes e seguidores, com o objetivo de ajudar a todos a realizarem os seus sonhos de viagem.

De Onde Sou

Gostou da viagem? Deixe um comentário sobre a experiência!

 

8 Comentários

  1. Miliana

    Olha só, tem algo errado nesse seu texto. Bom jardim da Serra não é o portal da serra catarinense, e sim Bom Retiro. A cidade de Bom Retiro é o início da serra, no qual na sua própria entrada já tem uma placa enorme escrito PORTAL DA SERRA. Então quando for escrever algo sobre nossa região, procura conhecer todos os cantos e registrar as informações corretamente.

    Responder
    • Norma

      Oi Miliana, obrigada por ler o meu artigo e por sua colaboração. Realmente não sou da região e encontrei essa informação no site da própria cidade de Bom Jesus da Serra, informando que a mesma é considerada um dos portais da Serra, desta forma, já efetuei a alteração no site. Quanto a cidade de Bom Retiro, não tive a oportunidade de conhecer, espero voltar a Serra Catarinense com mais tempo e farei questão de visitar esta e outras cidades da região. Mais uma vez obrigada pelo registo.

      Responder
  2. Miliana

    Corrigi ali: é URUBICI. E NÃO UBIRACI.

    Responder
    • Norma

      Grata mais uma vez, vou alterar. A gente corrige e lê várias vezes mais ainda se passa com um erro fatal desses. Obrigada.

      Responder
  3. Saladino

    Excelente orientação; sobretudo àqueles que nunca viajaram à Santa Catarina, mas já ouviram falar dos encantos da “Serra Catarinense”. Útil para quem quer simplificar os roteiros para otimizar os passeios.

    Responder
    • Norma

      Obrigada Saladino.Bom demais poder ouvir um retorno desse. Eu que agradeço.

      Responder
  4. Cintia Vaz

    Norma sei que vc vai ter que fazer o “sacrificio” de voltar sem neblina hehehe. Mas com Neblina ficou sensacional! AMEI as fotos. Eu passei na Serra do Rio do Rastro e tirei fotos deslumbrantes do Mirante, dava pra ver muitos Kms , o céu estava limpo. Mas infelizmente só fui no mirante, estava só de passagem. Adoraria ter conhecido a Serra e tido muito mais tempo na Serra Catarinense! Fiquei muito feliz com a lista de lugares para conhecer na Serra Catarinense! Obrigada!

    Responder
    • Norma

      Obrigada a você Cintia, foi incrível essa estadia na Serra Catarinense, e sim, quero muito voltar e ver a Serra do Rio do Rastro sem neblina.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe esse artigo!

Mostre a seus amigos o seu possível próximo destino.

Compartilhe esse post!

Mostre a seus amigos seu possível novo destino.