Ilha do Canela: Um paraíso ou oásis em Palmas

A Ilha do Canela é chamada por muitos de paraíso ou oásis em Palmas.

A Ilha do Canela é chamada por muitos de paraíso ou oásis em Palmas, capital do Tocantins.

Na verdade, a Ilha do Canela é uma ilha artificial de 45 mil m² (bem pequena), que fica a 10 minutos ou 3 km de barco de Palmas. No entanto, a área reservada para banho contempla cerca de 9 mil m².

A Ilha é uma propriedade particular que dispõe de área para camping, atracadouro para grandes embarcações, salva-vidas,  posto de bombeiros, dois restaurantes e três quiosques.

Conhecer a Ilha do Canela fez parte do meu roteiro pela cidade de Palmas no meu retorno do Jalapão. Enfim, se for a Palmas, reserve pelo menos dois dias para conhecer as atrações da cidade e suas praias.

Leia mais sobre Palmas e suas atrações, bem como sobre meu roteiro no Jalapão, para conhecer a história do Estado do Tocantins e suas maravilhosas atrações. Além disso, conheça também nossa opção de hospedagem, o Hotel Girassol Plaza.

História da Ilha do Canela

A Ilha do Canela foi criada quando da construção da Usina Hidrelétrica Luís Eduardo Magalhães ou Usina Hidrelétrica de Lajeado, que fica a 54 km ao norte de Palmas. Sua construção ocorreu entre 1998 e 2002. Na época, o Rio Tocantins foi represado formando um lago com 170 Km de extensão e profundidade média de 8 metros.

Ademais, o nome Ilha do Canela vem exatamente do lugar que havia antes ali, e que foi coberto pelo lago: a Vila do Canela.

Como chegar à Ilha do Canela

Como chegar a Ilha do Canela

Como chegar a Ilha do Canela

Chegar à ilha é bem simples e tranquilo. Basta ir até o píer que fica na Praia da Graciosa, pegar um barquinho e fazer uma travessia rápida (em torno de 10 minutos). O percurso é pago (ida e volta) na chegada à ilha, no caixa do restaurante. Entretanto, quando você quiser retornar, sempre terá um barco disponível para te levar de volta ao ponto de partida em Palmas.

Existe também a opção de pegar uma lancha ou os barcos maiores, conhecidos como flutuantes. Mas você não encontrará essas opções disponíveis todos os dias do ano.

A nossa travessia foi de barquinho e foi bem tranquila e sem emoção… kkkk E o barqueiro ainda foi bastante solícito e tirou todas as nossas dúvidas sobre a ilha.

Horários de visitação a Ilha do Canela

A Ilha do Canela pode ser visitada todos os dias do ano. De segunda a sexta, a última embarcação costuma sair da ilha às 17h30 e, nos finais de semana, o último barco volta para Palmas às 18h. Todavia, em períodos de muito vento, é bom avaliar se vale a pena fazer a travessia.

Sobretudo se estiver buscando tranquilidade, evite visitar a Ilha nos finais de semana, pois o fluxo de visitantes nesse período aumenta bastante, inclusive pelas pessoas da cidade.

A travessia de barquinho é bem rápida e tranquila. Em torno de 10 min.

Travessia

O que fazer na Ilha do Canela

O que fazer na Ilha do Canela -Logo do barco já fiquei encantada com vista da Ilha

O que fazer na Ilha do Canela

Ainda no barco, já fiquei encantada com vista da ilha. Sim, parece mesmo um oásis!

Ao chegar à ilha, descemos no píer e, em seguida, nos dirigimos para efetuar o pagamento da travessia no bar do restaurante que fica bem próximo. Fomos em um dia de semana e a ilha estava vazia. Também só tinha um restaurante funcionando, logo, tivemos a ilha quase que exclusiva para nós, uma delícia.

Assim, escolhemos um local para ficar e fomos logo atendidos. O restaurante oferece uma estrutura simples, mas com mesas e cadeiras dentro do rio, redes e uma linda vista da capital no horizonte. Enfim, tudo que a gente precisava para relaxar e curtir o dia.

Posteriormente, percebemos que havia uma parte da praia reservada para banho, separada por redes. Portanto, ficamos curiosos e, então, perguntarmos ao garçom o motivo. Ele nos informou que é para evitar acidentes com os banhistas, pois no lago tem muitas arraias e piranhas.

Claro que escolhemos uma mesa com uma rede (de deitar) e aproveitamos para curtir o banho de rio, tomar um drink e beliscar um peixinho da região. Desta forma, a sugestão é o tucunaré ou caranha, os peixes mais consumidos por lá.

Outra dica muito legal é ficar na ilha até o entardecer para assistir ao maior espetáculo do final de tarde: o pôr do sol. Eu não fiquei, mas recebi muitas recomendações… ficou faltando.

Momento relaxamento. A estrutura local oferece mesas e cadeiras dentro da Praia do Rio.

Momento relax

Explorando a Ilha do Canela

Explorando a Ilha do Canela, o paraíso de Palmas

Explorando a Ilha do Canela

Além disso, aproveitei para fazer uma caminhada ao redor da ilha, que é bem pequena, e fiquei encantada com o ambiente bem simples e acolhedor. Ou seja, caso você não queira ficar no restaurante, pode ficar na praia em outros lugares menos explorados da ilha. Entretanto, não é recomendado entrar na água, em área não protegida, por contas das piranhas e arraias que costumam estar bem próximos à praia. O ideal é respeitar as marcações e redes que ficam na área.

O local me pareceu uma pequena fazenda, pois há animais soltos, algumas casinhas e, acima de tudo, uma vista encantadora da cidade de Palmas e do lago da Hidrelétrica. Na área também é permitido pernoitar acampando. Procure maiores informações no local.

A linda vista da cidade de Palmas a partir da Ilha do Canela

A linda vista da cidade de Palmas a partir da Ilha do Canela

Enfim, Palmas tem muitas praias, mas eu me apaixonei mesmo foi pela Ilha do Canela. Especialmente por suas águas tranquilas e transparentes e onde pude curtir momentos de muito relaxamento e paz.

Saiba mais sobre o meu roteiro completo no Tocantins.

Palmas, o que conhecer na capital do Tocantins

Jalapão, roteiro incrível de 6 dias

Veja posts com dicas para planejar sua viagem!

Em seguida, baixe meus e-Books gratuitos:

E book - 10 dicas para arrumar sua mala de viagem
E book check list de viagem

Faça suas reservas com meus parceiros:

  • E, para viajar com tranquilidade, faça seu SEGURO VIAGEM com a SEGUROS PROMO.

Encontre sua hospedagem

Reserve aqui o seu carro

Compre ingressos sem fila

15 de maio de 2020

Sobre Mim

Sou uma viajante apaixonada pelo mundo. Trabalhei 30 anos no ramo financeiro e hoje me realizo como microempresária e criadora de conteúdo de viagem. Como viajante, conheço 42 países e 20 estados brasileiros. Meu propósito nas redes sociais, é compartilhar minha experiência e aprendizado de viagem e de vida, com meus clientes e seguidores, com o objetivo de ajudar a todos a realizarem os seus sonhos de viagem.

De Onde Sou

Gostou da viagem? Deixe um comentário sobre a experiência!

 

16 Comentários

  1. Hebe

    Norma adorei esse post, quantas coisas bacanas na Ilha do Canela em Palmas. Não conhecia esse destino, mas agora já quero.(rs) Um ótimo local mesmo para relaxar e descansar nesse paraíso em Palmas.

    Responder
    • Norma

      Pois é, um lugar belíssimo e que pode ser combinado com a visita ao Jalapão.Um lugar perfeito mesmo. Se tiver oportunidade vá conhecer. Grata pelo retorno.

      Responder
  2. Ângela Martins

    Que linda essa Ilha do Canela . Um verdadeiro paraíso . Eu conheci Palmas mas não fui nesse oásis. Adorei essa dica

    Responder
    • Norma

      Que pena que não conheceu Ângela, é um dos lugares mais bonitos de Palma e o acesso é bem fácil. Se tiver alguma outra oportunidade, vá conhecer. Obrigada pelo comentário.

      Responder
  3. Leo Vidal

    A Ilha do Canela me pareceu um ótimo passeio. Sempre fiquei pensando no meu roteiro pelo Jalapão, o que fazer na chegada ou pré-retorno em Palmas. Já sei o que incluir em um desses dias de descanso em Palmas. Melhor ainda saber que a travessia de barco é sem emoção, o que já me encoraja mais para o passeio.

    Responder
    • Norma

      Pois eu adoro fortes emoções.. mas vá com tranquilidade, a unica emoção lá é o encantamento com a beleza do local e vale a pena dedicar pelo menos um dia parca conhecer Palmas, além do Jalapão é claro. Obrigada pelo comentário.

      Responder
  4. Olivia

    Amei seu post. Especialmente por conta da pandemia, estou numa fase muito Brasil e é para onde eu quero viajar quando finalmente for seguro. Eu tenho pesquisado muito sobre destinos no norte do país, destinos sustentáveis e especialmente destinos que você possa de alguma maneira contribuir com a comunidade local.
    obrigada por compartilhar

    Responder
    • Norma

      Obrigado pelo retorno Olivia. A Ilha do Canela em Palmas é uma delicia. Se você fizer o roteiro junto com o Jalapão terá oportunidade de conhecer uma natureza belíssima e ainda projetos com comunidades quilombolas que certamente vai gostar. Leia os demais posts sobre o jalapão.

      Responder
  5. Deyse

    Que post maravilhoso e completo, Ilha do Canela – Um paraíso ou oásis em Palmas! Eu não conheço a Ilha do Canela e achei um verdadeiro paraíso e oásis, através de seu post!

    Responder
    • Norma

      Oi Deyse, a Ilha do Canela foi uma novidade para mim também e me surpreendeu bastante. Muito feliz que tenha gostado do post. Grata.

      Responder
  6. Angela Marins

    Não sabia da existência dessa a ilha da Canela em Palmas. Cada post que leio no seu blog aumenta minha certeza que preciso voltar em Tocantins!

    Responder
    • Norma

      Que bom Angela, que estou te despertando essa vontade. Volta sim.

      Responder
  7. Diego

    Nossa que bacana essa Ilha da Canela. Acredita que fui para Palmas e não sabia da existencia desse lugar? Da proxima vez vou com certeza!

    Responder
    • Norma

      Acredito, eu mesma nunca tinha ouvido falar dela. Foi o guia do Jalapão que me deu a dica.

      Responder
  8. Van

    eu nunca tinha ouvido falar na Ilha do Canela – Um paraíso ou oásis em Palmas! Mas quero muito ir para o Jalapão, vou aproveitar e salvar para o meu roteiro. Obrigada pela dica! Suas fotos estão lindas também.

    Responder
    • Norma

      Vale a pena mesmo Van. Não perde a oportunidade de conhecer não.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe esse artigo!

Mostre a seus amigos o seu possível próximo destino.

Compartilhe esse post!

Mostre a seus amigos seu possível novo destino.