Holambra: o que fazer na Capital das Flores

Holambra, município do interior paulista, é conhecido como Capital Nacional das Flores

Holambra, município do interior paulista, é conhecido nacionalmente pelos altos índices de segurança e qualidade de vida, bem como por ser a Capital Nacional das Flores. No entanto, para mim, o mais marcante é a sua história de fundação.

O nascimento de Holambra está diretamente ligado à devastação causada pela Segunda Guerra Mundial na Europa, em especial, na Holanda. A princípio, após a guerra, o governo holandês estimulou a migração de seu povo em busca de uma vida melhor.

Assim, em julho de 1948, o primeiro grupo com cerca de 500 imigrantes fundou a sua colônia na antiga Fazenda Ribeirão. Inicialmente, eles se dedicaram à criação de gado com o objetivo de produzir leite e laticínios. Entretanto, os animais trazidos da Holanda morreram por causa de doenças tropicais.

Entretanto, foi só mais tarde, já na década de 1950, que uma nova leva de imigrantes deu início ao cultivo de flores e plantas ornamentais pelo qual o município seria conhecido. A independência municipal, contudo, só veio em 1991.

Por conta dessa história, faz muito mais sentido a escolha do nome Holambra. Igualmente, o acrônimo faz referência a Holanda, América e Brasil. Enfim, amei a história dos imigrantes, como tudo começou e cada cantinho daquele lugar.

Leia também sobre Santuário de Aparecida, outro destino do meu roteiro pelo interior de São Paulo.

 

O que fazer em Holambra, a Capital Nacional das Flores

 

O que fazer em Holambra na Capital das Flores

O que fazer em Holambra, capital das flores

 

Minha primeira dica do que fazer em Holambra é simplesmente bater perna pelo lugar. Sim, você leu corretamente: caminhe pela cidade. Por certo, você irá se surpreender com a arquitetura de forte influência holandesa em pleno sudeste brasileiro!

Logo, podemos começar pelo Boulevard Holandês. O quarteirão de casas coloridas com estilo holandês é bom tanto para quem quer souvenirs e roupas como rende boas fotos, além de ter bons restaurantes (eu fui no Martin Holandesa e adorei).

Em seguida, o Paço Municipal, prédio que abriga a Prefeitura, também merece uma visita por conta de seu jardim florido e dos painéis com bicicletas e canais da Holanda.

Ademais, mesmo que não esteja na época da Expoflora, passe na entrada do Parque, lugar bonito que tem lojinhas e restaurantes.

 

Parque Expoflora em Holambra - tem que conhecer

Parque Expoflora

 

Igualmente, para quem não dispensa comidinhas, eu acho bom aproveitar a chance de experimentar as delícias holandesas. Eu fui na Confeitaria Zoet en Zoet (ou Confeitaria do Lago), no centro, para comer tortas e doces típicos. Inclusive, não deixe de comer e levar para casa stroopwafel, o waffle holandês.

 

Por onde começar a conhecer Holambra

Comece o seu passeio pela Praça dos Coqueiros. É aí que fica o famoso letreiro “Eu amo Holambra“. Ou seja: Vá registra que você esteve na cidade!

Igualmente, caminhar pelo Parque Van Gogh é uma experiência válida. Não podia ser uma cidade com influência holandesa sem referência a um de seus nomes mais importantes na pintura, não é mesmo? Além da caminhada em contato com a natureza, você poderá conhecer algumas obras do pintor, já que há réplicas expostas no local. Ele abre de terça a domingo, das 9h às 17h, e a entrada é gratuita.

Para terminar o dia, vá ao Deck do Amor e Lago Vitória Régia. Além de apreciar a fonte no meio do lago, você pode deixar um cadeado na grade para simbolizar o seu amor!

Por fim, para conhecer mais sobre a história local, bem como suas tradições, vá ao Museu Histórico de Holambra. Ele abre aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 17h.

 

Holambra é a capital nacional das flores e suas belezas

A linda cidade de Holambra

 

Portal da entrada da cidade de Holambra

Um dos principais marcos é o Portal Turístico na entrada da cidade. Sobretudo, remetendo às construções holandesas, traz ainda o ano de fundação da cidade – 1948. Os imigrantes, por sinal, são lembrados ali perto, com o Memorial do Imigrante que os homenageia.

 

Moinho dos Povos Unidos

 

Holambra, município do interior paulista, é conhecido como Capital Nacional das Flores

Moinho dos Povos Unidos

 

Remetendo ao estilo holandês, este ponto turístico foi construído no típico estilo dos moinhos de vento dos Países Baixos. Ademais, com 38 metros de altura, ele é o maior da América Latina. Para você ter uma ideia, é a mesma altura do Cristo Redentor do Rio de Janeiro.

Primordialmente, você precisa conhecer o museu que conta a história do moinho. Ele fica dentro da própria construção, em um de seus seis andares.

 

Museu do Moinhos dos Povos Unidos em Holambra - SP

Museu do Moinhos dos Povos Unidos em Holambra – SP

 

E, principalmente, se você quiser ter a melhor vista panorâmica da cidade, suba até o topo do moinho e faça lindos registros. Ele abre de  quarta a domingo, assim como nos feriados, das 10h às 17h. De qualquer forma, fique de olho também na programação do parque ao seu redor, pois há sempre um evento diferente acontecendo.

 

Vista do alto do Moinho dos Povos Unidos em Holambra - SP

Vista do alto do Moinho dos Povos Unidos em Holambra – SP

 

Mas acha que é só? Não! Afinal, há ainda as lojinhas de artesanato, venda de comidas típicas e outras atrações na região.

 

Portal do Moinho dos Povos Unidos

O portal do Moinho está localizado ao lado do Moinho dos Povos Unidos e também faz parte da pista de uma das entradas da cidade. Além disso, como tudo em Holambra, é florido, muito bonito e bem cuidado.

 

Holambra, município do interior paulista, é conhecido como Capital Nacional das Flores

Holambra, município do interior paulista, é conhecido como Capital Nacional das Flores

 

Exploflora em Holambra

 

Belezas-da-Expoflora-Holambra-SP

Belezas da Explofora

 

A primavera é, definitivamente, a melhor época para conhecer Holambra. Também pudera: é quando as flores estão em seu auge! E ainda mais, o maior evento da cidade é ademais a maior exposição de flores e plantas ornamentais da América Latina e, por isso, recebe em torno de 300 mil turistas a cada ano.

Acima de tudo, o momento mais aguardado do evento é a Chuva de Pétalas. Ela acontece diariamente ao longo de toda Expoflora, sempre às 16h30. É quando o equivalente a 18 mil botões de rosas são espalhados pelo ar (mas sempre vale a pena confirmar a programação no calendário do evento).

 

Chuvas de pétalas em Holambra – Expoflora – SP

 

São mais de 400 expositores apresentando aos visitantes as novidades em flores e plantas ornamentais. Além do mais, tem palcos espalhados dentro do evento com shows de danças típicas, inclusive um desfile muito bonito com muita música e flores, todos de trajes típicos. Isso de sexta a domingo, das 9h às 19h. Logo, é só buscar a programação do evento e se planejar!

 

Desfile na Expoflora- Holambra- SP - Um evento que reúne milhares de pessoas anualmente

Desfile na Expoflora, Holamba

Shows típicos na Expoflora- Holambra- SP - Um evento que reúne milhares de pessoas anualmente

Shows típicos na Expoflora- Holambra- SP

 

Todavia, se não conseguir ir a Holambra na época desse grande evento, ao menos passe pelo seu recinto. Assim, mesmo fechado, ele é mais um exemplo da arquitetura que remete ao estilo holandês, com direito a jardim e um telefone público temático, em formato de tamanco.

 

Minha experiência na Expoflora

 

Expoflora- Holambra- SP - Um evento que reúne milhares de pessoas anualmente

Expoflora, Holambra, SP

 

A saber, gostaria de ressaltar que estive em Holambra 2 vezes, tendo ido à Expoflora em uma delas.  No entanto, decidi visitar a exposição no fim de semana e um dos motivos era exatamente assistir à chuva de flores. Mas, para mim, foi decepcionante, principalmente pela super lotação. Não conseguimos comer nada e tivemos dificuldade até para conseguir comprar uma água mineral.

Desta forma, se puder, escolha visitar a Expoflora durante a semana, já que o evento acontece diariamente todo o mês de setembro, pois irá aproveitar melhor o evento, sem maiores stress (como aconteceu comigo).

Entretanto, mesmo com toda superlotação, adorei. Especialmente poder assistir aos shows típicos, ao desfile das flores e conhecer como funciona o evento.

 

Tour por fazenda de flores

 

Tour pelas fazendas de flores em Holambra - SP, um programa imperdível

Tour pela fazenda de flores, Holambra, SP

 

Como, em geral, a Expoflora costuma acontecer do final de agosto ao final de setembro, a sua viagem não estará perdida se você for em outra época do ano. Isso porque você pode fazer um tour pelas fazendas de flores o ano todo!

Eu, por exemplo, fiz o meu passeio com o receptivo Real Holambra e adorei. Vale ressaltar que a visitação só é permitida através de tour feito pelos receptivos da cidade, isso é, não é possível fazer no seu próprio carro.

Enfim, vale lembrar que cerca de 50% da produção de flores do Brasil é em Holambra. Assim, há cerca de 40 km² de plantação. Agora me diz: tem como perder essa oportunidade?

 

Tour pelas fazendas de flores em Holambra - SP, um programa imperdível

Tour pela fazenda de flores, Holambra, SP

 

Logo, a minha recomendação é que você pesquise um pouco sobre as espécies de plantas. Os girassóis, por exemplo, só aparecem entre junho e começo de agosto. E, com certeza, tenha uma máquina fotográfica ou celulares a postos para tirar fotos!

 

Tour pelas fazendas de flores em Holambra - SP, um programa imperdível

Holambra, SP, tour pela fazenda de flores

Lojas de venda de flores em Holambra

 

Holambra-Sp, lojas de flores

 

Naturalmente, Holambra é uma cidade com diversos pontos de vendas de flores. Logo, você vai encontrar pequenas lojas em todos lugares, mas também grandes galpões com lojas imensas e preços atrativos ao longo da BR que dá acesso à cidade.

Assim, eu, que adoro flores, fiz questão de visitar algumas dessas loja e fiquei encantada. Desta forma, eu sugiro que você reserve um tempo para visitar pelo menos uma dessas: Gardencenter, Pronta Flora, Paraíso Garden e A Orquídea

 

Lojas de flores em Holambra, capital nacional das flores

 

Como chegar em Holambra

Estive em Holambra durante uma road trip pelo interior de São Paulo. Mais uma vez, aluguei um carro na Rentcars para conhecer toda a região e sugiro que você faça o mesmo, não importa o destino, para ter mais liberdade!

Durante o período em que estivemos por lá, optamos por ficar hospedados em Jaguariúna. A escolha nos deu mobilidade, já que a cidade fica perto de Holambra, Campinas e outras cidades do Circuito das Águas paulistano – conto sobre isso depois.

Holambra fica distante 13 km de Jaguariúna, 50 km de Campinas e 133 km da capital São Paulo. Além disso, dirigir pelas estradas do interior paulista é super tranquilo, já que são bem sinalizadas. Por fim, para quem chega de outros estados, o aeroporto de Viracopos (Campinas) está há 1 hora de distância e os da capital, há menos de 2 horas.

Sugiro que escolha a sua hospedagem em Jaguariúna, Holambra ou Campinas. Para isso, use o nosso link do Booking que te dará diversas opções de hospedagens.

 

Enfim: eu curti a visita a Holambra e recomendo!

Holambra faz parte ainda do Circuito das Águas paulista, composto por nove destinos cheios de história e diversidade. Acima de tudo, achei a cidade muito linda e florida, com sua impressionante arquitetura holandesa! Aliás, as flores estão em todos os cantos por ali: nome de ruas, placa de trânsito, desenhos do calçamento etc.!

Enfim, uma cidade verdadeiramente apaixonante e que merece ser visitada. Acima de tudo, adorei passear, conhecer os pontos turísticos, comer comidas típicas, comprar lembrancinhas e me encantei com o tour pela fazenda de flores. E, claro, matei a curiosidade do conhecer a Expoflora que, apesar de muito cheia  (havia mais de 100 ônibus estacionados na região), nada tirou o brilho dessa linda cidade.

E continue acompanhando as novas publicações, pois logo teremos novos posts com informações sobre as cidades que fazem parte do Circuito das Águas paulista. Passei uma semana numa road trip por aquela região e vou contar todos os detalhes para vocês.

 

Leia abaixo sobre outros destinos no Brasil:

Projeto Sempre Viva em Mucugê Bahia

Vinícola Terra Nova Miolo no Vale do São Francisco

Veja minhas visitas a museus pelo mundo:

Se for viajar, veja esses posts com dicas para planejar sua viagem:

Em seguida, baixe meus e-Books gratuitos:

E book - 10 dicas para arrumar sua mala de viagem
E book check list de viagem

Encontre sua hospedagem

Reserve aqui o seu carro

Compre ingressos sem fila

  • E, para viajar com tranquilidade, faça seu SEGURO VIAGEM com a SEGUROS PROMO.
Seguro Viagem: Brasil
GTA BRASIL 18 GTA BRASIL 18 Assistência médica R$ 18.000 Bagagem extraviada R$ 600 (COMPLEMENTAR) R$ 5/dia*
AC 15 BRASIL AC 15 BRASIL Assistência médica R$ 15.000 Bagagem extraviada R$ 500 (COMPLEMENTAR) R$ 5/dia*
AC 15 BRASIL +COVID19 AC 15 BRASIL +COVID19 Assistência médica R$ 15.000 Bagagem extraviada R$ 500 (COMPLEMENTAR) R$ 7/dia*
  • Enfim, COMPRE tudo que vai precisar para a sua VIAGEM na AMAZON.COM.

28 de junho de 2020

Sobre Mim

Sou uma viajante apaixonada pelo mundo. Trabalhei 30 anos no ramo financeiro e hoje me realizo como microempresária e criadora de conteúdo de viagem. Como viajante, conheço 42 países e 20 estados brasileiros. Meu propósito nas redes sociais, é compartilhar minha experiência e aprendizado de viagem e de vida, com meus clientes e seguidores, com o objetivo de ajudar a todos a realizarem os seus sonhos de viagem.

De Onde Sou

El Quarto

Seguros Promo

Passagens Promo

Ofertas

ADS

Seguros Promo

Seguro Viagem: Europa
AC 35 EUROPA AC 35 EUROPA Assistência médica EUR 35.000 Bagagem extraviada EUR 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 16/dia*
AC 60 EUROPA AC 60 EUROPA Assistência médica EUR 60.000 Bagagem extraviada EUR 1.200 (COMPLEMENTAR) R$ 17/dia*
CORIS 30 EUROPA BASIC +COVID19 (EXCETO EUA) CORIS 30 EUROPA BASIC +COVID19 (EXCETO EUA) Assistência médica EUR 30.000 Bagagem extraviada EUR 1.000 R$ 23/dia*

Amazon.com

ADS

Ofertas

Gostou da viagem? Deixe um comentário sobre a experiência!

16 Comentários

  1. Taís

    Ótima opção para quem vai à SP! Já quero!

    Responder
    • Norma

      Realmente é uma excelente opção de viagem para quem está em São Paulo e quer conhecer outros roteiros. Tenho certeza que vai amar. E se quiser mais informações, é só perguntar, será um prazer ajudá=la. Muito obrigada pela sua mensagem.

      Responder
  2. Nani

    Amei o post! Será que estamos no mesmo dia na Expoflora? Também tenho essa foto no fusca amarelo.

    Responder
    • Norma

      Que bom que gostou. Não sei se estivemos no mesmo dia, mas certamente foi em setembro do ano passado, quando estive na expoflora e certamente você também. Esse fusca amarelo estava irresistível mesmo. Muito obrigado pela sua mensagem e estou à sua disposição. Leia também os demais posts do blog.

      Responder
  3. Rachel

    Eu não conheço Holambra, estava tudo certo a visita em Setembro para Expoflora com a Pandemia foi adiada. Mas, ano que vem é destino certo e com essas dicas todas, ficou fácil!😉

    Responder
    • Norma

      Que bom que você Rachel. Que pena que não deu para conhecer esse ano, mas outras oportunidade virão, com certeza. Logo, se surgir alguma dúvida, ou algo que não citei no post, favor manter contato, estarei à disposição para responder. Muito obrigada pela mensagem.

      Responder
  4. Deyse Marinho de Abreu

    Nossa, encantada pela leitura de seu texto! Sou apaixonada por Holambra sem ter estado por lá, mas pela tradição das flores. E sempre tive vontade de conhecer, mas desconhecia a história da fundação estar relacionada à guerra, muito interessante e informativo! Amei seu texto Holambra: o que fazer na Capital das Flores. Obrigada!!

    Responder
    • Norma

      Que maravilha de feed back Deyse. Fiquei muito feliz que foi útil para você. Holambra é mesmo uma cidade encantadora. Gratidão e estou à sua disposição, caso necessite de mais informações.

      Responder
  5. Maria

    Amei saber sobre o que fazer em Holambra capital das flores e mais ainda conhecer a história dessa cidade. Não conhecia o que motivou a imigração dos holandeses, infelizmente eles tiveram que sair do seu país, mas para nós brasileiros foi bom, porque agora temos essa linda cidade para conhecer. Belas fotos!

    Responder
    • Norma

      Obrigada pelo feed back Maria. Pois é, Holambra, além de muito bonita, tem uma história cativante. Eu amei conhecer e indico. Gratidão

      Responder
  6. Lúcio Fábio da Costa Junior

    Ainda não conheço Holambra. Deu pra perceber porque é conhecida como capital das flores. E o título é mais que merecido. Que destino incrível. Adorei saber das atividades. Amo flores e, com certeza, irei visitar a cidade.

    Responder
    • Norma

      Que bom que gostou Lucio. Precisa mesmo conhecer. A cidade é linda, bem cuidada, florida, um destino delicioso. Se precisar de qualquer informação, estou à sua disposição.

      Responder
  7. Fabíola Moura

    Um pedacinho da Holanda no Brasil. Deve ser uma graça ver a cidade e perto e na primavera então, ainda melhor. Adorei as dicas para conhecer a cidade, inclusive foi bom saber que o fim de semana da Expoflora pode ser muito lotado.

    Responder
    • Norma

      Pois é, muito lotado mesmo. Mas vale à pena demais conhecer essa cidade linda e florida. Obrigada pela sua interação, e estou disponível para qualquer informação.

      Responder
  8. GISELE PROSDOCIMI

    Sou apaixonada por flores, quero muito conhecer Holambra também, porque já estive na Holanda e adorei o país. Agora já sei o que ver em Holambra e o que fazer na capital das flores, obrigada.

    Responder
    • Norma

      Que bom que gostou do post Gisele, muito obrigada pelo seu comentário. Holambra é linda e vale à pena ser visitada. Se precisar de ajuda ou mais informações, é só falar. Muito grata.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe esse artigo!

Mostre a seus amigos o seu possível próximo destino.

Compartilhe esse post!

Mostre a seus amigos seu possível novo destino.